CAMPANHA PAPAI NOEL DOS CORREIOS COMEÇA NESTA SEXTA-FEIRA

Posted by casciano in Comportamento, Economia | Tagged , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Leave a comment

A Campanha Papai Noel dos Correios será lançada oficialmente, no Rio Grande do Norte, nesta sexta-feira (11), em um evento às 10h da manhã, no auditório do edifício-sede dos Correios, na Ribeira.

A data coincide com o lançamento nacional, que ocorrerá em São Paulo.

Em 2011, a Campanha Papai Noel dos Correios, já em sua 22ª edição, consolidou um passo significativo em prol da educação.

Serão admitidas exclusivamente cartinhas provenientes de crianças que estejam cursando até o 5º ano do Ensino Fundamental em escolas públicas.

As unidades foram selecionadas pelas secretarias municipais de Educação e já estão
cadastradas.

Aproximadamente 70 escolas dos municípios de Natal, Parnamirim, São José de Mipibu, Macaíba, São Gonçalo do Amarante, Extremoz, Ceará-Mirim, Nísia Floresta, Mossoró e Currais Novos participam da campanha.

A prioridade foi dada às escolas localizadas em áreas mais carentes, onde reside a população de menor poder aquisitivo.

Também enviarão cartinhas crianças atendidas em algumas entidades assistenciais que trabalham com infância e adolescência.

Com a nova regra, o “padrinho” (qualquer cidadão que se interesse em presentear as crianças) adotará a cartinha em uma das agências dos Correios com a certeza de não só estar presenteando quem efetivamente frequenta o ambiente escolar, como também apoiando uma ação de incentivo à escrita nas salas de aula.

Diretores, coordenadores e professores irão orientar os alunos na redação das cartas, inclusive alertando quanto à importância do endereçamento correto das correspondências, uso do selo e do Código de Endereçamento Postal (CEP).

A decisão da Diretoria Regional do RN de não aceitar cartinhas vindas diretamente da comunidade atende a uma sugestão nacional da ECT e se deveu em parte às práticas indevidas que vinham sendo registradas, principalmente por parte de alguns adultos que se faziam passar por crianças ou se aproveitavam da campanha para autopromoção e assistencialismo.

Tudo isso somado aos problemas gerados na entrega dos presentes, por conta de falhas no endereçamento das correspondências.

As cartas que chegarem das escolas cadastradas serão lidas e triadas por voluntários da própria ECT, os “ajudantes de Papai Noel”, e depois ficarão disponíveis em 40 agências dos Correios situadas na Região Metropolitana de Natal, Mossoró e Currais Novos, a partir do dia 14 de novembro.

O prazo para adoção de cartas pelos “padrinhos” segue até 16 de dezembro.

Estes enviarão os presentes aos Correios, que se responsabilizará pela remessa à escola onde estuda a criança.

Independente da obtenção do presente solicitado, todas receberão uma carta-resposta do Papai Noel.

Em 2010, os Correios receberam 1 milhão e 239 mil cartinhas em todo o país, das quais 566.362 foram adotadas.

No Rio Grande do Norte, os números da campanha também são expressivos: o “Papai Noel dos Correios” enviou 12.848 cartas-resposta e entregou 6.208 presentes para crianças potiguares.

A campanha está vinculada a um dos Objetivos do Milênio estabelecidos pela Organização das Nações Unidas (ONU) – “Educação básica de qualidade para todos” e também a preceitos de Responsabilidade Social Empresarial.

A ação é desenvolvida com o objetivo de priorizar a educação, pois lugar de criança é na escola.

A empresa ou repartição que se interessar em adotar as cartinhas das crianças neste Natal pode procurar a agência dos Correios mais próxima ou entrar em contato com a Assessoria de Comunicação pelos telefones 3220-2472/2405 ou pelo email ascom-rn@correios.com.br.

Texto: Mauro José, Wagner Lopes, Halinna Tavares, Edson Nunes, Diego Bruno e Olavo César.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *