LARISSA ROSADO DENUNCIA: POLÍCIA DO RN PRECISA DO DOBRO DE HOMENS E VIATURAS

Posted by casciano in Política | Tagged , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Leave a comment

A deputada estadual Larissa Rosado (PSB) reforça pleitos das polícias Militar e Civil e reivindica, na Assembleia Legislativa, mais investimentos em segurança pública. Esta semana, requereu reforço de policiais e viaturas para a Polícia Militar de Mossoró.

O comando do 2º Batalhão de Polícia Militar (2º BPM) informa dispor de 605 policiais para 13 municípios da região, dos quais 250 para Mossoró, enquanto são necessários 500 homens, no mínimo, segundo o comandante, tenente-coronel Túlio César.

“Além disso, os 250 policiais não estão nas ruas, porque existem férias e escalas de folgas”, observa Larissa, também preocupada com insuficiência e sucateamento de viaturas. “São apenas vinte veículos, mas a PM precisa de quarenta, no mínimo”, alerta.

Larissa também requer modernização da comunicação da Polícia Militar. O sistema ainda é analógico. “A PM de Mossoró precisa de um sistema digital, como em uso na região metropolitana. Também necessita ampliar o monitoramento com câmeras”, defende.

A deputada defende ainda convocação de delegados, agentes e escrivães aprovados no mais recente concurso público da Polícia Civil, a fim de diminuir a carência histórica de pessoal na corporação. Larissa também requer estruturação da polícia Civil em Mossoró.

“Mossoró precisa de mais duas delegacias distritais, porque 1ª e 2ª DPs estão mais do que sobrecarregadas, divididas em Centro de Detenção Provisória, Denarc, Delegacia Regional. Os prédios são antigos e se tornaram obsoletos”, lamenta.

Segundo ela, a população e os crimes aumentaram, mas a estrutura da polícia continua a mesma, adequada à realidade de Mossoró de vinte anos atrás. “Também precisamos de uma Delegacia de Homicídios, com urgência”, reitera.

Com Regy Carte e Joyce Moura.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *