PRODUTORES RURAIS QUEREM SOLUÇÃO PARA O PROBLEMA DA VIOLÊNCIA NO CAMPO

Posted by casciano in Economia | Tagged , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Leave a comment

Não é de hoje que o campo potiguar vem sofrendo coma crescente onda de violência, notadamente com crimes relacionados ao roubo de animais, implementos agrícolas, maquinários, veículos e insumos, invasão de residências e o tráfico de drogas.

E foi analisando o aumento crescente desses atos que a Federação da Agricultura e Pecuária do Rio Grande do Norte (Faern), resolveu encampar o 2° Seminário sobre Segurança Pública Rural.

O evento, que está sendo promovido nesta terça-feira, dia 06 (começou às 08h), no auditório do Sebrae, em Natal, visa debater a questão da insegurança nas pequenas cidades e nas zonas rurais do RN.

Com mediação do presidente da Federação da Agricultura, José Álvares Vieira, o seminário conta em sua mesa diretora coma presença do secretário da Segurança Pública, Aldair da Rocha, superintendente da Polícia Rodoviária Federal (PRF/RN), Rosemberg Alves de Medeiros, comandante do Policiamento do Interior da Polícia Civil, José Carlos de Oliveira e de representantes da Secretaria da Agricultura e da Polícia Militar.

De acordo com o presidente da Faern, José Vieira, os representantes das instituições irão conversar com os produtores rurais, prefeitos e lideranças de municípios sobre os números da violência nas áreas rurais.

“Será um grande debate sobre essa temática tão importante que é a segurança pública nas pequenas cidades e nas zonas rurais. Tentaremos abordar toda a problemática da violência e descobrir uma forma de diminuir essa ferida aberta”, ressaltou Vieira.

De acordo com o presidente da Federação da Agricultura, a segunda edição do seminário – a primeira foi promovida em novembro de 2009 – é um pedido dos dirigentes sindicais do interior e dos inúmeros produtores rurais que trabalham e vivem nas pequenas cidades.

“O tema se reveste da mais alta importância para o agronegócio e precisa entrar com prioridade na pauta da segurança pública. A proposta do evento foi feita com base nos pedidos de nossos produtores e presidentes de sindicatos rurais. Por isso, a Faern não poderia deixar de promover mais essa edição e lembrar que quase nada mudou no campo potiguar”, finalizou José Vieira.

Texto: Leonardo Sodré.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *