PROFESSORES DISCUTEM EDUCAÇÃO DIRECIONADA PARA O ENEM

Posted by casciano in Educação | Tagged , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Leave a comment

O Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) foi pauta do Encontro de Educadores do Complexo Educacional Contemporâneo, no último sábado (14).

O Mestre em Ensino de Ciências e Matemática pela Universidade Federal do Ceará (UFCE), Igor Paim, foi convidado para falar com os professores sobre as perspectivas que o Enem traz para educação.

Com o tema: Enem como uma ferramenta para construir, aplicar e aprender, os professores da Educação Infantil ao Ensino Médio participaram do encontro que tinha como objetivo mostrar que o exame tem que ser relacionado à Educação como um todo.

“O Enem precisa ser reconhecido como um processo irrevogável. Ele mudou a forma de aprendizado do Ensino Médio, mas deve ser construído desde os primeiros anos dos alunos nas escolas”, explicou Paim.

Segundo o especialista, o educador deve contextualizar as matérias em sala de aula, para ajudar o estudante na resolução de questões de exames.

Pois, a prova do Enem exige do candidato menos memorização excessiva dos conteúdos e mais demonstrações de sua capacidade de colocar em prática os conhecimentos adquiridos.

Ainda de acordo com Igor Paim, o conteúdo das disciplinas foi reduzido, para que seja valorizar essa capacidade do aluno de trabalhar o conhecimento.

Durante a palestra, ele citou exemplos de como fazer esta contextualização.

O professor do Contemporâneo, Jorge Mourad, também participou como palestrante no encontro.

“Precisamos estar atualizados, pesquisar exemplos dos sites e jornais, pensar em matérias da atualidade, como abordá-las nas diversas disciplinas”, disse Mourad.

Segundo a diretora da escola, Irany Xavier, o Enem é indispensável àqueles que desejam ingressar no ensino superior.

“Temos que nos adaptar a esta mudança proposta pelo Ministério da Educação. Para isso, acreditamos que as intervenções na didática deverão começar desde a formação  inicial do aluno. Assim como direcionamos o ensino ao vestibular, hoje vivemos a realidade do Enem”, ressaltou a diretora.

Além das palestras, no último sábado durante a manhã e na sexta-feira anterior, à noite, os professores tiveram aulas práticas e teóricas sobre as teorias da educação e apresentaram os planos de aula elaborados nas Oficinas oferecidas.

Desde 1998, o Ministério da Educação (MEC) realiza o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), com o principal objetivo de avaliar as habilidades e competências dos estudantes do país.

Contudo, sua proposta é a utilização do exame como forma de seleção unificada nos processos seletivos das universidades públicas federais, democratizando as oportunidades de acesso ao ensino superior.

Em mais de 600 Instituições de Ensino Superior (IES) pelo Brasil, o Enem é utilizado como complementação de seus processos seletivos e em alguns casos substituindo o método de seleção para o ingresso na instituição.

Texto: Alice Lima. Foto: Divulgação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *