PROSSEGUE O IMBRÓGLIO DA UNIMED NATAL COM OS UROLOGISTAS

Posted by casciano in Comportamento | Tagged , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Leave a comment

Procon recebe representação contra a Unimed Natal por falta de urologistas.

O Procon Estadual recebeu nesta última quarta-feira (20) representação contra a Unimed Natal apresentada pelo Instituto Brasileiro de Defesa e Apoio ao Consumidor (IBDECON). No documento, constam reclamações de aproximadamente 100 usuários, devido à falta de atendimento médico provocada pela ausência de urologistas disponibilizados pela operadora.

De acordo com o coordenador-geral do Procon, Araken Farias, a Unimed Natal está descumprindo um acordo firmado no final do ano passado, quando se comprometeu a regularizar o atendimento médico nessa especialidade. O acordo estipulava um prazo de seis meses, expirado há quase 30 dias.

Dessa forma, as reclamações dos usuários serão abertas individualmente, ou seja, serão mais de 100 queixas contra o plano, encaminhadas imediatamente à Agência Nacional de Saúde, à Promotoria da Saúde e à Promotoria de Defesa do Consumidor.

Ainda conforme Araken Farias, o Procon abrirá processo administrativo contra o plano de saúde.

A Unimed Natal será notificada e, caso não resolva a situação, poderá receber sanção de multa ou até mesmo de suspensão dos serviços prestados no Estado.

Histórico

Em outubro de 2011, cerca de 30 médicos urologistas, o equivalente a 90% dos profissionais que atendiam à operadora, desligaram-se da empresa.

Os profissionais se descredenciaram da operadora por não concordarem em ratear o prejuízo repassado à categoria pela empresa e, desde então, tentam um acordo. Até agora, sem sucesso.

Segundo os urologistas, a Unimed Natal, em função do rateio do déficit (a título de pro rata), não vinha repassando aos médicos o valor determinado em tabela.

Os médicos enviaram uma proposta para a retomada imediata do atendimento, inclusive aceitando trabalhar pela tabela própria da Unimed Natal.

Mas a operadora até agora não deu resposta aos urologistas, contribuindo para a prorrogação do desacordo.

O Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte (Sinmed-RN) e a Sociedade Brasileira de Urologia reconheceram a legitimidade das reivindicações da categoria.

O Sinmed-RN, inclusive, notificou o Conselho Regional de Medicina (CRM-RN) solicitando medidas de apoio aos urologistas.

Com Marcos Alexandre e Jamille Nogueira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *