SAÚDE PÚBLICA PREPARA O PLANO OPERATIVO DA REDE CEGONHA NO RIO GRANDE DO NORTE

Posted by casciano in Comportamento | Tagged , , , , , , , , , , , , , , , | Leave a comment

Na última reunião do Comitê Estadual de Mortalidade Materna, realizada esta semana, foram discutidas as ações que estão sendo implementadas para a diminuição da mortalidade materna no Rio Grande do Norte, além do credenciamento do estado no Programa Federal Rede Cegonha.

A Rede Cegonha é uma estratégia que visa fortalecer um modelo de atendimento que inicia com o planejamento familiar, passando pelo parto até os dois primeiros anos de vida da criança.

O objetivo é intensificar a redução de mortalidade materna, ampliando os serviços do SUS.

Atualmente, 17 estados e 800 municípios  já aderiram ao programa.

Para facilitar a adesão à Rede Cegonha, o Ministério da Saúde desenvolveu o Sistema do Plano de Ação das Redes (Sispar), cuja finalidade é auxiliar a construção do planejamento e programação das metas qualitativas e quantitativas, ou seja, na construção do Plano de Ação Municipal ou Regional e da programação física e financeira da Rede Cegonha.

Também foi aperfeiçoada a plataforma web de registro das consultas de pré-natal, o SISPRÉ-NATAL WEB, que permite o registro e monitoramento do tempo de resultado dos exames, da vinculação da gestante ao local do parto e da presença do acompanhante no parto.

Aqui no Rio Grande do Norte, as 8 regionais de Saúde estão sendo mapeadas e  preparadas para receber a Rede Cegonha.

Para o Secretário de Estado da Saúde Pública, Domício Arruda, os recursos vão ajudar a resolver um problema do SUS.

“Nós temos imensas dificuldades no custeio e na manutenção dos hospitais, devido ao sub-financiamento da saúde”, disse o secretário.

O Estado encontra-se na fase 2 do programa, no qual é dividido em 5 fases, concluído com a certificação.

O Rio Grande do Norte está realizando o desenho regional com a análise situacional e já com a proposta do plano operativo.

Texto: Kelly Barros.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *